A par dos conteúdos académicos, a escola tem um papel fundamental no desenvolvimento de competências sociais e emocionais dos alunos. Como os programas sócios emocionais se têm mostrado eficazes na potencialização da qualidade das relações de sala de aula, esta ação surge para aumentar a compreensão dos sinais emocionais e a confiança na gestão da aula.